segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Doce de ovos

 O doce de ovos é ótimo para rechear bolos, bolachas, para cobrir doces.. ou para comer sozinho, à colher. E é tão simples de fazer!!!!


5 gemas
6 colheres (sopa) de açúcar
6 colheres (sopa) de água

   Leve os três ingredientes ao lume, mexendo sempre, até engrossar.
   Quando começa a engrossar retire imediatamente do lume e continue a mexer para não ganhar grumos. Deixe arrefecer.


Bolo de Café

   O M. é viciado em café. Por isso quando chegou o momento de fazer um bolinho para cantármos, via Skype, os parabéns à minha mãe, lembrei-me de procurar uma receita com café. Esta com mel, limão e canela, chamou a atenção.

4 ovos
150 gr de açúcar 
250 gr de farinha 
1 colher (chá) de fermento
3 colheres (sopa) de mel
Raspa de meio limão
200 ml de café adoçado
6 colheres (sopa) de azeite
1 colher (chá) de canela

   Ligue o forno a 150ºC.
   Unte e barre uma forma.
   Bata os ovos inteiros com o açúcar até obter uma mistura esbranquiçada.
   Junte o mel, a canela, a raspa de limão e o azeite mexendo sempre.
   Adicione o café fria, e a farinha à qual juntou o fermento em pó.
   Leve ao forno durante 35/40 minutos.

domingo, 30 de outubro de 2011

Perna de peru assada com laranja e mel

Ao procurar uma receita diferente para uma perna de perú, encontrei esta.

Tenho de dizer quefica realmente delicioso. O molhinho agridoce deu-lhe um sabor melhor que bom!

1 perna de perú
1 cebola
4 dentes de alho
1,5 dl de azeite
2 dl de espumante
2 colheres (sopa) de mel
1 laranja
2 folhas de louro
Colorau q.b.
Sal q.b.
Pimenta q.b.

   Pré-aqueça o forno a 180ºC.
   Numa assadeira, deite a perna de perú e dê-lhe uns cortes.
   Tempere com sal e pimenta.
   Deite o colorau, as colheres de mel, o azeite, o espumante.
   Regue tudo com o sumo da laranja misturado com um pouco de água.
   Deite a cebola em rodelas, os alhos picados e o louro.
   Esfregue bem toda a carne com este preparado e leve ao forno a assar, por cerca de hora e meia.
   Sirva com batatas cozidas, arroz branco e verduras.



sábado, 29 de outubro de 2011

Natas do céu

   Este doce traz-me muito boas recordações, dos longos almoços no restaurante "Lago Verde".. e pelos vistos à minha irmã também, porque na semana que aqui esteve de férias, me pediu para fazer "Natas do Céu", mas iguais às do "Lago Verde".

   Ora, não tendo a receita original, tentei encontrar alguma que fosse o mais parecida possível.. a maioria das receitas leve bolacha maria, mas as que costumávamos comer quando éramos mais novas, eram feitas com amêndoa.

   Então tentei, usando o sabor da memória e do coração, começar a encontrar a receita perfeita.. ainda não está como nos lembramos, mas eu chego lá :-)





Para o doce de ovos:
   6 gemas
   6 colheres (sopa) de açúcar
   6 colheres (sopa) de água


Para o creme:
    2,5 dl de natas
    6 claras
    5 a 6 colheres (sopa) de açúcar
   100 gr de amêndoa  ralada


   Comece por preparar o creme: bata as claras em castelo. Em seguida, bata as natas com o açúcar.
   Misture, delicadamente, os dois preparados, até se obter uma mistura homogénea.
   Coloque uma porção de amêndoa ralada em tigelinhas individuais e deite o preparado por cima.         
   Leve ao frigorífico para engrossar.
   Prepare então o doce de ovos, colocando a água com o açúcar e as gemas num recipiente. e levando ao lume, até engrossar, tendo o cuidado de mexer sempre.
   Quando começa a engrossar retire imediatamente do lume e continue a mexer para não ganhar grumos.
   Deixe arrefecer.
   Em cada tigelinha, deite doce de ovos por cima do creme, polvilhe com amêndoa e volte a levar ao frio, até ao momento de servir.

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Receita de massa para pizza

   O M. tem sempre na manga duas receitas distintas de massa para fazer pizza - uma delas (a minha preferida) é feita apenas com 2 pacotes de natas e farinha q.b. (que se vai colocando até atingir o ponto).
  A outra é uma massa ultra-mega-rápida (rsrsrs), que por ser feita com fermento químico, não precisa levedar.
450 gr de farinha de trigo
200 ml de água
15 gr de fermento em pó químico
1 colher (chá) de sal
2 colheres (sopa) de azeite


   Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata bem.
   Divida a massa em duas partes.
   Estique cada uma delas na pedra enfarinhada.
   Coloque no tabuleiro e recheie.
   Leve ao ao forno uns 25 minutos, a 180-200º.

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Filetes com alho francês


   Sem dúvida, um prato a repetir - o sabor do alho francês com as natas é delicioso.



  8 filetes de pescada
  1 alho francês
  2 dentes de alho
  2 pacotes de natas
  Queijo ralado q.b.
  Sal q.b.
  Pimenta q.b.

   Tempere os filetes com sal e pimenta.
   Corte o alho francês em rodelas finas.
   Aloure o alho francês e os dentes de alho picadinhos num pouco de azeite.
   Tempere com sal e pimenta e deixe amolecer.
   Junte as natas e o queijo ralado e deixe fervilhar um pouco, envolvendo bem.
   Coloque os filetes num recipiente que possa ir ao forno e verta o molho por cima.
   Leve ao forno, pré-aquecido a 180ºC, até gratinar (uns 25 minutos).
   Sirva com um arroz branco


terça-feira, 25 de outubro de 2011

Comida de conforto


   Considero esta receita uma comida de conforto, não só porque gosto de a fazer nestes dias de Outono, mas também porque é um dos pratos que me transporta de imediato para a minha infãncia e para a casa dos meus pais: é um dos pratos que a avó P. faz desde que me conheço por gente.. e é tão simples e saborosa.



4 peitos de frango
4 batatas médias
4 dentes de alho
1 folha de louro
Sal q.b.
Azeite q.b.


  Regue o fundo de um tacho com azeite e coloque duas camadas de batatas em rodelas.
  Por cima, adicione dois dentes de alho cortados.
  Em seguida, junte os peitos de frango (eu costumo corta-lo aos meio).
  Volte a repetir as camadas.
  No fim, regue com um pouco de azeite e tempere com sal.
  Verta um pouco de água e leve ao lume por uns 20 minutos.
  Sirva de imediato.

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Empadão de legumes

   Decidi confeccionar este prato por causa dos famosos "30 dias sem alimentos de origem animal" que a minha irmã e cunhado decidiram fazer. Mas tenho a certeza que a irei fazer mais vezes porque o M. comeu, e repetiu, e repetiu... :-)



8 batatas
1/2 ramo brócolos
1 curgete
1 cenoura
1 cebola
Polpa tomate q.b.
Azeite q.b.
1/2 frasco de leite coco
1/2 chávena de natas de soja


   Coza as batatas em rodelas finas.
   Num tacho à parte, refogue a cebola em rodelas no azeite.
   Junte a curgete e a cenoura em rodelas finas.
   Acrescente os brócolos em pequenos pedaços.
   Junte a polpa tomate e deixa cozinhar em lume brando até os legumes estarem moles.
   Num pirex, coloque uma camada de batatas, uma camada de legumes e por fim as restantes batatas.
   Calque tudo bem e cubra com o leite de coco e as natas de soja.
   Polvilhe com um pouco de pão ralado.
   Leve ao forno a gratinar cerca de 10 minutos

sábado, 22 de outubro de 2011

Bolo de aveia e chocolate

   Há já uns tempos que tinha curiosidade de experimentar um bolo com flocos de aveia. Como tinha comprado um pacote para o pequeno-almoço da minha irmã e do meu cunhado, durante o seu período de 30 dias sem alimentos de origem animal, decidi por mãos à obra, com o que restou:

   Fica bonzito, mas não achámos nada de extraordinário:



300 gr de flocos de aveia 
250 gr (chá) de açúcar
2 colheres (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de achocolatado em pó
1 colher (sopa) de fermento em pó
3 ovos 
2 chávenas (chá) de leite


   Deixe a aveia de molho com o leite.
   Bata bem o açúcar com as gemas e, em seguida, a manteiga.
   Junte a aveia e o achocolatado.
   Misture e acrescente  as claras em castelo, mexendo suavemente, e por último o fermento.
   Coloque a massa em forma untada e enfarinhada.
   Leve em forno pré-aquecido, à 180ºC, por cerca de 30 a 45 minutos. Vá verificando a cozedura com um palito.


quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Jardineira de camarão

   Tinha uma embalagem de miolo de camarão no congelador e não sabia o que fazer com ela. Até que uma receita de jardineira de lulas me deu a ideia para este prato.

1 pacote de miolo de camarão
1/2 pacote de macedónia de legumes
1 cebola
2 tomates
Tomilho q.b.
   Refogue a cebola picada no azeite e junte os tomates em pedaços.
   Deixe cozinhar por 10 minutos.
   Adicione o miolo de camarão. Tempere de sal, pimenta e junte um pouco de tomilho.
   Deixe cozer por mais uns 10 minutos.
   Junte a macedónia de legumes. Deixe cozer por mais uns 10 minutos.
   Sirva quente, acompanhado de arroz branco.


  O meu arroz branco é muito simples - fervo 3 copos de água com 1 dente de alho, 1 folha de louro e 1 colher de sopa de manteiga. Quando ferver, junto 1 copo de arroz e deixo cozer... fácil, fácil.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Strogonoff de Perú

   Nas minhas férias em Portugal, fiquei num dos almoços de família, incumbida da cozinha (que é território da minha avó.. rsrsrsrs).  Pensei e logo me lembrei de uma receita que não fazia há algum tempo, strogonoff de perú, que se fez num abrir e fechar de olhos.

Aqui fica a receita



4 bifes de peru
1 lata grande de cogumelos laminados
2 pacotes de natas
1 cebola
Polpa de tomate q.b.
Azeite q.b.
Sal q.b.
Pimenta q.b.

Corte os bifes em tirinhas finas e tempere-o de sal e pimenta. Leve um tacho ao lume com um fio de azeite e aloure aí a cebola picada.
Quando esta começar a alourar, junte as tirinhas de carne e deixe cozinhar em lume brando .
Acrescente depois os cogumelos e deixe cozer e apurar.
Junte a polpa de tomate, deixer engrosar um pouco e rectifique os temperos.
Finalmente junte as natas.
Deixe cozinhar em lume brando durante 5 minutos. Sirva o strogonoff com arroz branco e uma salada verde.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Fuisilli com cogumelos, ervilhas e bacon

Uma massa muito boa, com a vantagem de ser rápida e muito simples.


500 gr de massa Fusilli
200gr de bacon em cubinhos
200 gr de ervilhas congeladas
2 latas de cogumelos laminados
Sal q.b.
Pimenta q.b.

   Coza a massa água temperada de sal.
   Frite o bacon a fritar, sem adicionar mais gordura.
   Quando estiver frito, junte as ervilhas e os cogumelos.
   Deixe cozinhar em lume brando até os legumes estarem cozidos.
   Rectifique os temperos.
   Escorra a massa e junte os dois preparados.
   Mexa bem, com o lume ligado no mínimo, para integrar todos os sabores.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Folhados de queijo e salsicha

Mais fácil não há! E são deliciosos, quer quentes, quer frios :-)



1 frasco de salsichas alemãs
1 embalagem de massa folhada
Fatias de queijo q.b. (usei Gouda)
1 gema de ovo

   Retire a massa folhada da embalagem e estique-a num tabuleiro.
   Cortar em rectângulos do comprimento da fatia de queijo.
   Por cima coloque uma fatia de queijo, seguida da salsicha.
   Enrole de forma a que a massa consiga segurar todo o conteúdo.
   Pincele com gema de ovo misturada com um bocadinho de leite.
   Levar a forno, pré-aquecido a 180ºC, por cerca de 25 minutos.

  
   Sugestão: barre a fatia de queijo com mostarda antes de colocar a salsicha.

domingo, 16 de outubro de 2011

Queijadas de Leite de São Miguel

   Antes da minha irmã, cunhado e avó partirem, fizemos um saquinho de ofertas, para juntarem ao farnel que fizeram para a grande viagem até Lisboa: chocolate para a mana, gomas para o cunhado e estas queijadas de leite deliciosas para a vóvó  - sei que são deliciosas porque roubei duas para provarmos :-)




   Aqui fica a receita:

1/2 l de leite
3 ovos
375 gr de açúcar 
125 gr de farinha sem fermento
70 gr de manteiga
Casca de 1 limão (que pode ser substituido por 2 gotas de essência de baunilha)

   Misture os secos, adicione os ovos, um a um, batendo sempre.
   Derreta a manteiga e junte ao preparado, continuando sempre a bater.
   Entretanto, ferva o leite, juntamente com a casca de limão (ou a essência de baunilha, caso seja essa a opção).
   Junte o leite ao preparado.
   Coloque em formas barradas, e leve ao forno, pré aquecido a 220ºC, por 18 a 20 minutos

Nota: esta receita rende umas 17 ou 18 queijadas.

sábado, 15 de outubro de 2011

Espetadas de frango marinadas em iogurte

   Só tenho uma palavra para esta receita: DELICIOSA!!!!



500 gr de bifes de frango
2,5 dl de iogurte natural
2 colheres (sopa) de azeite
Casca de 1 limão
Sumo de 1 limão
1 colher (sopa) de salsa picada

   Corte os bifes de grango em fatias com cerca de 0,5 cm de espessura.
   Num recipiente, combine os restantes ingredientes e envolva bem.
   Verta a marinada sobre os pedaços de frango, cubra com película aderente e deixe de um dia para o outro (eu deixei a marinar durante a noite).
   Coloque o frango nos espetos.
   Cozinhe no churrasco ou na chapa quente para grelhados.
   Deixe repousar uns minutos antes de servir.

Sugestão: para que os espetos não queimem, molhe-os antes de colocar a carne.

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Areias

  Ontem à noite apeteceu-me uns bolinhos para o serão. Rebusquei nas receitas e lá descobri uma que a minha mãe fazia muito quando eu era pequena: Os "Areias". Aqui fica a receita para quem queira experimentar.



300 g de farinha
200 g de manteiga
100 g de açúcar

   Peneire o açúcar juntamente com a farinha.
   Faça uma cova ao meio e deite aí a margarina em bocadinhos.
Trabalhe tudo em areia, com a ponta dos dedos. Misture e faça uma bola.
Retire pedacinhos de massa e molde em bolinhas do tamanho de pequenas nozes. 
   Achate cada bolinha  levemente com um garfo.
   Leve a cozer em forno médio (180º C) durante cerca de 10 minutos.
   Passe as areias, ainda quentes, por açúcar.
  

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Em Echternach


Zum Domstein

   Ontem, e aproveitando o facto de termos a avó, a mana e o cunhado connosco fomos, finalmente conhecer o tão famoso restaurante onde se pode comer como os antigos romanos, o Zum Domstein, em Trier.



   Os pratos que compõem o menu romano têm um sabor muito típico, carregado de especiaria, frutados diria mesmo, e alguns deles repletos de molhos muito condimentados

    As receitas foram adaptadas, ao que parece, de escritos de um tal Marcus Gavius ​​Apicius, que viveu lá pelo ano 30 antes de Cristo.




   Todo o restaurante está repleto de artefactos romanos, que foram encontrados, segundo dizem, aquando da construção do restaurante.

   E vejam os nossos pratos:


    Lucanicae / Fabaciae - salsicha com pinhões e feijão verde


   Perna cum caricis - presunto preparado com figos e murta


Cucurbitas - abobrinhas fritas e cenouras com damascos, amêndoas e especiarias 
  

Piscis assus  - filete de peixe frito em molho de peixe com ervas, vinho e mel



   Cervus assus  -  veado com ameixas, ervas, vinho, mel e vinagre



   Da comida romana, só o M. ficou fã.. mas o espaço é agradével, portanto é provável que voltemos.. mas para exprimentar outro tipo de pratos


Para quem tenha curiosidade, aqui fica o site do restaurante: http://www.domstein.de/


   

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Creme doce de laranja


  Aqui está um doce muito leve, simples e rápido de fazer - delicioso se comido fresquinho. O ideal é mesmo fazer de véspera.



4 ovos
4 dl de leite
100 gr de açúcar
2 laranjas

   Extraia o sumo das laranjas e guarde a casca de uma delas.
   Ferva o leite com a casca de laranja e o sumo.
   Bata os ovos com o açúcar e adicione ao preparado anterior.
   Envolva bem e passe tudo num passador.
   Distribua por 4 a 6 formas que possam ir ao forno.
   Cubra com película aderente e cozinhe em banho-maria por 20 minutos, a 160ºC.
   Deixe arrefecer e leve ao frio.

   Pode servir acompanhado de biscoitos de manteiga.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Arroz de laranja

   Esta foi a receita de arroz que fiz para acompanhar os papelottes de peixe com laranja





1 chávena (chá) de arroz basmati
3 chávenas (chá) de água morna
2 laranjas
1 dente de alho
1 cebola
Azeite q.b.

   Refogue a cebola e o dente de alho num tacho com o azeite.
   Entretanto,  esprema o sumo das duas laranjas e raspe a casca de uma delas.
   Junte o arroz e a casca de laranja ao tacho e deixe que refoguem um pouco.
   Verta a água e metade do sumo da laranja e deixe que o arroz coza.
   Tempere com sal.
   Quando estiver quase cozido, apague o lume, junte o sumo restante, tape o tacho e deixe repousar 8de preferência abafado com um pano).
 

Lombinhos de pescada e laranja em papelotte

   Aqui por casa gostamos muito de peixe em papelotte, mas por norma fazemos sempre com legumes.

   Desta vez decidi mudar um pouco a receita e acho que não ficou nada mal


 

4 lombinhos de pescada
Sumo de 1 laranja
Raspa de 1/2 laranja
Sal q.b.
Pimenta q.b.
Margarina q.b.
Tomilho q.b.


   Tempere os lombos de pescada com sal, pimenta, raspa e sumo de laranja.
   Corte quatro quadrados de papel de alumínio.
   Em cada um deles coloque um lombo.
   Por cima, coloque uma nozinha de margarina, uma rodela de laranja, sal, tomilho e duas colheres de sopa da marina resiltante do tempero do peixe.
   Leve ao forno, pré-aquecido a 200º, por 20 a 25 minutos.
   Acompanhei com arroz de laranja.

domingo, 9 de outubro de 2011

Planificador de refeições para dias especiais

Este template torna-se um amigo no que toca à palnificação daqueles dias em que temos um almoço ou um jantar especial lá em casa.

Numa só folha é possível definir os prartos, os ingredientes e a lista de compras! :-)

Pode imprimir aqui (a cores) e aqui (a preto e branco)



Créditos: Janna Wilson

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Os pratos favoritos

Há dias, ouvi algures uma dica bastante interessante, que poderá ser usada naqueles dias em que a preguiça mental não nos permite tomar decisões quanto ao que fazer para o jantar.

Assim, nada como ter uma lista com as refeições favoritas da família, o que torna o planeamento mais fácil nesses dias em que não apetece pensar muito.

Imprima uma lista aqui e outra aqui


Créditos: Living Locurto

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Queijadas de leite e laranja


   A chuva e o vento lá fora convidavam a um lanche mais aconchegante. Não tendo tempo para fazer uns scones, decidi-me por uma receita de queijadas que vi em muitos blogs de culinária.

  A receita tanto pode ser servida em queijadinhas como numa grande queijada.

  Desta vez optei por pequenas queijadas - num total de 18.



2 ovos
250 gr de açúcar 
50 gr de margarina derretida
130 gr de farinha
1/2 l de leite
Sumo de 1 laranja
Raspa de 1 laranja
Açúcar em pó para polvilhar

   Unte as forminhas com a margarina - se usar de silicone, não há necessidade
   Ligue o forno a 180ºC.
   Bata todos os ingredientes.
   Verta o preparado nas forminhas.
   Leve ao forno durante cerca de 40 minutos.
   Desenforme quando estiverem mornas, e polvilhe com açúcar em pó.

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Um dos pratos prediletos do G.

   O G. é muito "pãozeiro".. e como tal adora açorda.. Um dos pratos preferidos dele é uma açorda simples com um ovo escalfado.. naquelas fases em que anda com menos vontade de comer, costumo fazer-lhe este miminho



  Costumo fazer um pequeno refogado com azeite, cebola e alho picado e uma folha de louro.
  De seguida, junto água morna e sal e deixo ferver.
  Vou juntando pão e mexendo até atingir a consitência desejada.
  Adiciono o ovo e deixo escalfar.

  Simples, simples :-)

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Converter

Mais uma listinha preciosa da Mafalda Pinto Leite. Desta vez uma tabela de conversões


Chávenas:

1 chávena de farinha de amêndoa - 110g
1 chávena de pão ralado - 50g
1 chávena de açúcar amarelo - 200g
1 chávena de açúcar - 225g
1 chávena de açúcar fino - 225g
1 chávena de açúcar em pó - 125g
1 chávena de farinha (com ou sem fermento) - 125g
1 chávena de arroz cozinhado - 165g
1 chávena de arroz carolino seco - 220g
1 chávena de arroz para risotto seco - 220g
1 chávena de arroz basmati seco - 220g
1 chávena de couscous seco - 180g
1 chávena de lentilhas verdes ou castanhas secas - 220g
1 chávenas lentilhas vermelhas secas - 200g
1 chávena de polenta seca - 180g
1 chávenas aveia seca - 100g
1 chávena de folhas de basilico - 45g
1 chávena de folhas de coentros - 40g
1 chávena folhas de hortelã - 35g
1 chávena de salsa - 40g
1 chávena de cajus inteiros - 150g
1 chávena de frango, porco ou vitela cozinhado e desfiada - 150g
1 chávena de azeitonas - 175g
1 chávena de parmesão ralado - 100g
1 chávena ervilhas congeladas - 170g


Líquidos:
1 colher chá - 5ml
1 colher sopa - 15ml
 ¼ chávena - 60ml
1/3 chavéna - 80ml
½ chavéna - 125ml
¾ chavéna - 185ml
1 chavéna - 250ml
4 chávenas - 1lt

domingo, 2 de outubro de 2011

Empadão de pão de forma

   Tinha um pacote de pão de forma quase a passar a validade. O que fazer? Optei por uma lasanha. Ficou muito boa, muito leve.




 
500 g de macedónia de legumes congelada (usei uma mistura de cenoura, milho e ervilhas)
1 pão de forma sem côdea (pode comprar com códea e depois cortar)
500 de carne picada
1 cebola
500 ml de molho bechámel
100 gr de queijo ralado
Sal q.b.
Pimenta q.b.
Azeite q.b.
Concentrado de tomate q.b.


   Coza os legumes.
   Pique a cebola e refogue-a no azeite.
   Adicione a carne picada e o concentrado de tomate e deixe cozer por 15 minutos.
   Ligue o forno a 180ºC.
   Barre um tabuleiro de forno com margarina e coloque-lhe dentro camnadas alternadas de fatias de pão, carne e legumes.
   A última camada deverá ser de fatias de pão.
   Regue com o molho bechamel e polvilhe com oqueijo ralado.
   Leve ao forno por 20 minutos.
   Retire e sirva quente.

sábado, 1 de outubro de 2011

Omolete com macedónia de legumes

Muito boa! vou repetir concerteza. O truque de bater as claras em castelo resulta muito bem.

2 colheres (sopa) de azeite
1 cebola
1/2 pimento verde
1/2 pimento vermelho
1/2 pimento amarelo
1 chávena (chá) de macedónia de legumes congelada (usei macedónia de cenoura, milho e ervilhas)
Sal. q.b.
Pimenta q.b.
5 ovos



   Numa frigideira antiaderente, aqueça o azeite e salteie ligeiramente a cebola.
   Adicione os pimentos cotados em cubos e a mecedónia de legumes.
   Mexa e envolva os legumes com a cebola.
   Tempere com sal e pimenta.
   Tape a frigideira e deixe que os legumes cozam por 10 minutos, em lume brando.
   Bata as claras em castelo e acrescente-lhes as gemas.
   Misture e bata com a batedeira para homogeneizar a mistura.
   Aumente o lume aos legumes e acrescente os ovos batidos.
   Mexa a mistura com um garfo, baixe novamente o lume e deixe que os ovos assentem e sequem de forma a criar uma omolete.
   Sirva de imediato.